segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

ANO NOVO

Toda vez que ouço alguem falar que o tempo passa depressa, me ponho a pensar: é a vida que caminha, em passos largos, pelo tempo. Somos transeuntes, passageiros, em trânsito pelo mundo; onde o fazemos e ao mesmo tempo nos fazemos. Um fazer de construção e remodelação; fazemos o novo e remodelamos o já feito. E nos fazemos num fazer de criação única.

Mais um tempo de vida passou neste ano que denominamos de 2011. E 2010? Passamos tão depressa que os comentários é de que nem o vimos passar.

É nossa existência que caminha; realizando, criando e remodelando o mundo e a nós mesmos.

E é nesse mundo que coexistem àqueles que se fazem e aqueles que se deixam fazer. Nesse mundo alguns fazem o seu próprio Ser e, outros, são o resultante do seu não-fazer.

O ser humano não nasce pronto; ele é um esboço que se molda a cada instante da sua permanência existencial; fazendo e se fazendo. Enquanto faz o mundo se faz no mundo. Se o tempo não para, o ser humano é um eterno caminhante no tempo.

Mais um estágio denominado por nós numericamente se aproxima; é 2012, para uns um novo tempo e, para outros, a continuidade de um mesmo tempo. Necessário se faz que o fazer humano seja uma progressão; uma superação existencial do já feito para que não se caminhe pelo caminho mas que, façamos o caminho para se caminhar.

Que as escolhas no mapa da vida possibilite um traçado melhor para todos aqueles que se propuseram a construir o seu caminho nessa nova etapa que denominamos de 2012.

C'est la Vie!

6 comentários:

ZilMar disse...

professor Irapuan,

agradeço sua atenção e carinho...

adorei seu texto...como sempre...

palavras sensatas...

desejo que o novo ano nos traga a tão sonhada e desejada PAZ...FELIZ ANO NOVO!

um abraço afetuoso...

Zil

Astrid Annabelle disse...

Olá Ira!
Gosto muito de ler o que escreve. Viajo entre as suas palavras. Não concordo com algumas idéias, mas é que eu estou no mundo sem ser do mundo (rss), então isso me dá outras perspectivas, outras interpretações que não cabe colocar aqui.
Mas adorei "É nossa existência que caminha; realizando, criando e remodelando o mundo e a nós mesmos."
Foi muito bom ter conhecido você, estar vez por outra entre os seus escritos. Então eu desejo que neste tempo novo, ou vice versa, você seja muito feliz estendendo meus votos para toda a sua família!
Beijos
Astrid Annabelle

Priscila Mondschein disse...

O tempo passa ininterruptamente. O que devemos fazer é fazê-lo valer a pena, cada segundo!

Feliz 2012!

Bjo!

BIA disse...

Olá Professor!!!

FELIZ ANO NOVO!!! Tudo de bom para você e sua família!!! Que 2012 seja um ano repleto de boas notícias!!!
Bjs
Bia :)

MARIUS QUIRÓZ disse...

Irapuan, cada ano que chega pode ser o melhor do os anteriores. Depende do despertar desse imenso rebanho chamado humanidade. Lideranças positivas devem surgir para demonstrar que muito do que vivemos é ilusão. Precisamos nos livrar dessa alienação nos impede de prosseguirmos no caminho da felicidade.

MARIUS QUIRÓZ disse...

Irapuan, cada ano que chega pode ser o melhor do os anteriores. Depende do despertar desse imenso rebanho chamado humanidade. Lideranças positivas devem surgir para demonstrar que muito do que vivemos é ilusão. Precisamos nos livrar dessa alienação nos impede de prosseguirmos no caminho da felicidade.